Carregando informações, por favor aguarde...

Home Notícias

São Paulo é o Estado com o maior número de premiados no PQTA 2018 

Publicado em: 23/11/2018
Cerimônia de entrega do Prêmio de Qualidade Total da Anoreg/BR contou com o apoio do CNJ e de Corregedorias de todo o País. (Clique aqui e veja todas as fotos da Premiação)
 
A 14º edição do Prêmio de Qualidade Total Anoreg/BR marcou o encerramento do XX Congresso Brasileiro de Direito Notarial e de Registro e premiou 36 serventias extrajudiciais de São Paulo, sendo o Estado com o maior número de vencedores entre os participantes de todo o País.

O certame, realizado no dia 14 de novembro, no Hotel Unique, na capital paulista, premiou os cartórios com excelência de gestão e qualidade no atendimento sendo que, nesta edição, houve a quebra de recordes: foram 201 cartórios inscritos e 181 premiados em todo o País. (Clique aqui e veja a lista de premiados.).

O Estado de São Paulo foi o recordista ainda no número de inscritos, com 39 unidades registradas, das quais 36 serventias foram premiadas. A Associação do Estado de São Paulo (Anoreg/SP), representando os cartórios paulistas, foi homenageada na cerimônia.  



Na ocasião, a presidente da entidade, Giselle de Oliveira Barros, falou da importância do certame. “O Prêmio de Qualidade Total da Anoreg/BR é muito importante porque conseguimos mostrar que os cartórios prestam um serviço de excelência. Não só a premiação, mas a preparação e o treinamento dos cartórios são muito importantes para que possamos alavancar os serviços das serventias, que já são muito bons, mas que podem sempre melhorar”.

Na principal categoria “Diamante”, 19 cartórios do Estado foram premiados, na categoria “Ouro” foram seis unidades, na categoria “Prata” foram oito serventias e três unidades na categoria “Bronze”. São Paulo também obteve o prêmio de cartório destaque na categoria “Compliance”, condecorando o 30º Subdistrito de Registro Civil e Tabelionato de Notas do Ibirapuera pelas melhores práticas.



O registrador do Ibirapuera, Rodrigo Valverde Dinamarco, destacou a importância do PQTA para a gestão organizacional de sua serventia e na prestação de serviços aos usuários. “O PQTA estimula a melhoria contínua dos cartórios, com base em critérios pertinentes à atividade e promove as boas práticas. Todos os envolvidos ganham com isso”, ressaltou.

Dinamarco contou que a humanização do atendimento é um dos segredos que pode ter contribuído para obter a maior premiação. “O atendimento humanizado prestado pela minha equipe, os procedimentos com dupla revisão dos atos e cumprimento rigoroso das normas fez a diferença para essa conquista”, afirmou.

Já o Registro Civil das Pessoas Naturais do Distrito de São Paulo, na capital paulista, foi premiado na categoria “Diamante”. A titular Daniela Silva Mróz, participante desde 2012, define a importância do evento.“Participo do PQTA desde 2012 e acho a participação no prêmio de qualidade fundamental. O papel da auditoria no crescimento da qualidade da serventia é palpável. Os requisitos para atingirmos a excelência foram crescendo ao longo dos anos, o que nos força a nos aperfeiçoarmos ainda mais. O respeito de nossa equipe e de nossos clientes só tende a crescer com o reconhecimento alcançado através do prêmio. Aconselho a todas as serventias a participar das próximas edições”, destaca.



O Registro Civil das Pessoas Naturais e de Interdições e Tutelas de São Vicente (SP), administrado por Ana Paula Goyos Browne, também foi premiado com “Diamante”. Segundo a registradora, o clima organizacional melhorou em consequência do prêmio. “Participar do PQTA é uma oportunidade de transformar a gestão do cartório, aumentar o engajamento da equipe e melhorar significativamente a prestação do serviço. Temos hoje uma equipe motivada e mais comprometida graças às ferramentas que implementamos para cumprir os requisitos do prêmio”, disse.



Já Patrícia André de Camargo Ferraz, registradora do Registro de Imóveis, Títulos e Documentos e Civil das Pessoas Jurídica de Diadema, também vencedora na categoria Diamante, ressaltou que vencer a premiação é “motivo de muita satisfação”. “A nossa equipe se esforça muito para conquistar o prêmio. O investimento na gestão ajuda a obter um controle das atividades desenvolvidas e, com isso, conseguimos reconhecer as falhas para alcançar uma gestão excelente”, disse Ferraz.



Outro vencedor na categoria Diamante, Márcio Campacci, titular do 1º Tabelião de Notas e de Protesto de São Carlos, ressaltou que “o Prêmio de Qualidade Total é sempre um desafio tanto para mim como para a nossa equipe. Participamos para manter um padrão de qualidade e excelência, visando os nossos usuários e a comunidade como um todo”.

 “Já é nossa segunda participação. Para esta 14ª edição, realizamos algumas adaptações e ficamos muito felizes de ser agraciados com o prêmio da categoria “Ouro”. Somos o único cartório da região e a nossa população serão os grandes beneficiados”, destacou Ana Paula Mendes Borges, oficial do Registro Civil das Pessoas Naturais e Tabelião de Notas do Município de Ilha Comprida, vencedora na categoria Ouro.

Vencedor na categoria Prata, Lourival da Silva Lourenço, tabelião de Notas e Protesto de Letras e Títulos de Santo Anastácio, diz que “o PQTA nos incentiva na busca por uma melhoria continua e no aperfeiçoamento da qualidade no atendimento aos usuários, além de conseguirmos obter uma satisfação dos nossos colaboradores”.

Para Luciane De Arruda Miranda Siviero, tabeliã de Notas e oficial de Registro Civil das Pessoas Naturais de Iperó, vencedora da categoria bronze, que participa pela segunda vez do PQTA, estar no evento “demostra e uma forma de mostrar para nossa comunidade que o nosso cartório tem sempre o objetivo de aprimorar os serviços prestados”.

Sobre o PQTA

Instituído em 2005, o PQTA busca fomentar entre notários e registradores a ideia de que um atendimento de qualidade e uma gestão eficiente são essenciais não apenas para melhoria do ambiente de trabalho de notários e registradores, mas também, como forma de aumentar a satisfação dos usuários e gerar bons frutos para o setor.

Em sua 14º edição, o PQTA 2018 bateu recordes em seus números: 201 cartórios se inscreveram e 181 foram premiados por todo o Brasil. Participaram 25 estados brasileiros, sendo São Paulo o recordista de unidades premiadas, com 36 unidades. Ao todo, 77 cartórios foram premiados na categoria Diamante, 45 na categoria Ouro, 40 na categoria Prata, 14 na Bronze e quatro receberam menção honrosa.

Além disso, o PQTA 2018 contou com o apoio oficial da Corregedoria Nacional de Justiça e de Corregedorias Estaduais de todo o País.

A auditoria das serventias participantes foi realizada pela APCER Brasil e foram avaliados 10 critérios: Estratégia; Gestão Operacional; Gestão de Pessoas; Instalações; Gestão de Segurança e Saúde no Trabalho; Gestão Socioambiental; Gestão da Informatização e Controle de Dados; Gestão da Inovação e Compliance.
Fonte: Assessoria de Imprensa
Voltar
Compartilhe este conteúdo: