Carregando informações, por favor aguarde...

Home Notícias

Treinamento Prático da Caravana da Proteção – Etapa em São José dos Campos reúne 200 pessoas 

Publicado em: 19/08/2019
Campanha “Cartórios. Quem Protege Você” chegou em sua última região e capacitou equipes de atendimento

São José dos Campos (SP) - Neste sábado (17.08), aconteceu no Carlton Plaza Hotel, em São José dos Campos, a última edição do Treinamento Prático da Caravana da Proteção, iniciativa da Associação dos Notários e Registradores do Estado de São Paulo (Anoreg/SP), do Sindicato dos Notários e Registradores do Estado de São Paulo (Sinoreg/SP), do Instituto de Estudos de Protesto de Títulos do Brasil – Seção São Paulo (IEPTB/SP), da Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo (Arpen/SP), da Associação dos Registradores Imobiliários de São Paulo (Arisp) e do Colégio Notarial do Brasil – Seção São Paulo (CNB/SP). O curso foi dirigido a substitutos e funcionários líderes das equipes, que disseminarão a campanha interna da proteção em suas unidades.

A abertura do evento foi realizada pelo presidente da Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo (Arpen/SP), Luis Carlos Vendramin Junior, que agradeceu aos presentes e falou da importância do diálogo entre os cartórios e a sociedade. “Estamos na primeira fase do projeto, etapa de convencimento interno dos titulares e colaboradores, para depois conseguirmos sair para os meios de comunicação. Todas as especialidades enfrentam as mesmas dificuldades quando se trata de atendimento, por isto, estamos focados na melhoria desse quesito. Da mesma forma que estamos recebendo novas atribuições para ajudar na desburocratização, estamos recebendo críticas, então o melhor caminho é dialogar com a sociedade e mostrar os benefícios dos cartórios”, destacou Vendramin, que é titular do 2º Registro Civil de São José dos Campos.




O treinamento teve início com a apresentação da campanha “Cartórios. Quem Protege Você” realizada pela executiva e CSO da To Be Good, Ester Krivkin, que ressaltou a opinião da sociedade em relação aos cartórios. “A sociedade acredita que os cartórios são lentos, burocráticos e caros. Em resumo, um ‘mal necessário’ que atravanca a vida das pessoas”, disse.

Apesar dessa negatividade, Krivkin apresentou uma pesquisa realizada em 2015, pelo Datafolha, revelando que os cartórios são a instituição mais confiável do Brasil para 88% dos entrevistados. “Os cartórios são bem avaliados no quesito instituição. A To Be Good também fez um levantamento detectando que 66,4% das pessoas utilizam os cartórios para se sentirem seguras e protegidas”, destacou a especialista, informando ainda que esses levantamentos foram utilizados para formar o slogan da campanha. A executiva ressaltou que o próximo passo será atingir a população com uma campanha publicitária focada nessa proteção.



Reputação para blindar crises e facilitar negócios
 

A palestra “Cultura Organizacional e Reputação” foi ministrada pela psicóloga e consultora de pessoas Pamella Kazantzis, que explicou que todo mundo tem cultura e, no caso das empresas/instituições, ela tem o poder de unir os colaboradores. “A cultura precisa ser alinhada com as leis, com a linguagem, com os comportamentos e com as expectativas das pessoas”, falou. A psicóloga salientou para os presentes a necessidade de refletir sobre a cultura atual dos cartórios, porque só desta forma será possível mudar o que não está dando certo e reforçar o que está funcionando.

Sobre reputação, Kazantzis destacou o poder de blindar crises, facilitar e dificultar os negócios. “A reputação é uma pré-requisito para dar certo ou dar errado. Precisamos criar um storymaking (uma boa história), baseada nos valores que os cartórios já possuem e, em seguida, comunicar. A comunicação é a chave do sucesso, se ela não existir, o outro não fica sabendo e você não ganha reputação”.



Cultura de Atendimento. Entregando a promessa da sua marca

Em seguida, coube à diretora da MK5, Marcia Oller, falar sobre o tema “Cultura de Atendimento. Entregando a promessa da sua marca”. Oller destacou que todo cliente espera ser atendido com atenção, respeito, informação, rapidez e experiência. “O que ele mais valoriza é ser atendido por uma equipe de qualidade e que entregue um serviço diferenciado, além de ser simples, personalizado e divertido”.

A diretora explica que os clientes podem apresentar diferentes personalidades, como intrapessoal, interpessoal, lógica, linguística, espacial, digital e musical. Exemplificando, que o cliente musical é aquele que precisa de repetições.

Para Oller, os líderes precisam ter a habilidade de influenciar pessoas para que trabalhem com entusiasmo visando atingir os objetivos identificados como sendo para o bem comum.



No site www.anoregsp.org.br/cartorioprotege é possível fazer um cadastro no Gama Pills e ter acesso aos materiais da campanha.

Depoimentos dos participantes

“A campanha “Cartórios. Quem protege você” vai trazer mais transparência e informação para a população, que muitas vezes desconhece os serviços e benefícios que cada especialidade realiza”. Carlos Eduardo Marques, auxiliar do 1º Registro de Imóveis de São José dos Campos.

“É uma campanha muito importante e veio em um momento oportuno, porque os cartórios estão crescendo e melhorando os seus serviços, mas isso ainda precisa ficar evidente para a população”. Rosana Miranda Robles, substituta do 1º Registro Civil de São José dos Campos.

“As pessoas acabam tendo uma imagem distorcida em relação aos cartórios. Essa iniciativa vai ajudar mostrar a nossa verdade e os benefícios que propiciamos”. Ângelo Luís Jorge Coelho, escrevente do 2º Registro de Imóveis de São José dos Campos.

“A Caravana da Proteção, iniciativa das entidades paulistas, é excelente porque faz muitos anos que trabalhamos para tentar melhorar a imagem dos cartórios. Os treinamentos são importantes para envolver os colaboradores e mostrar o valor da nossa atividade”. Maria do Carmo de Rezende Campos Couto, oficial do Registro de Imóveis de Atibaia.

“A iniciativa é interessante porque reuniu todos os cartórios para tentarmos alinhar e padronizar os atendimentos. O treinamento foi importante também para saber o que as pessoas acham dos cartórios e assim mudarmos os pontos negativos”. Ana Claudia Guaiume Santos, líder da recepção do Registro de Imóveis de Atibaia.

“Queria parabenizar a Anoreg/SP e as demais entidades pela iniciativa. Os treinamentos são importantes para autoconhecimento dos colaboradores, que acabam sendo motivados a melhorar no atendimento”. Nelson Araujo, escrevente do 1º Registro de Imóveis, Títulos e Documentos e Civil de Pessoa Jurídica de São José dos Campos.
Fonte: Assessoria de Imprensa da Anoreg/SP
Voltar
Compartilhe este conteúdo: